8 tipos de automassagem para aliviar dores e cansaço

Compartilhar
8 tipos de automassagem para aliviar dores e cansaço

Existem diversas soluções caseiras para aliviar tensões físicas e emocionais, e uma das que vem ganhando maior número de adeptos é a automassagem. Além de ser fácil de fazer, com alguns exercícios simples é possível tratar inúmeros males em minutos.

“Para aqueles que não têm tempo ou dinheiro para frequentar uma clínica, essa técnica é uma maneira rápida e eficaz de relaxar sem precisar sair de casa”, explica a terapeuta Mari Maruyama, da Clínica Luiza Sato.

Antes de iniciar o tratamento, a especialista recomenda um banho quente para soltar a musculatura, concentrando a ducha na região dos ombros e pescoço. Depois, mãos à obra! Veja algumas opções indicadas para combater dores localizadas e reduzir o estresse e o cansaço do dia a dia.

Técnica de automassagem para melhorar a qualidade de vida


Tendinite


Realizar esforço intenso ou repetitivo, como digitar durante horas, pode causar inflamações nos tendões e dores intensas.

Como fazer: para prevenir esse tipo de lesão basta pressionar os dedos da mão oposta bem no meio do antebraço, próximo ao cotovelo. Apertando o tendão, rotacione o braço de um lado para outro por 15 vezes. Realize o movimento por toda extensão do antebraço iniciando no cotovelo até o punho.

Intestino preso


Hábitos alimentares inadequados, falta de atividade física, baixo consumo de água e fibras e até mesmo fatores psicológicos podem afetar o funcionamento desse órgão tão sensível.

Como fazer: deitar em uma superfície plana e colocar as mãos no abdômen, fazendo movimentos circulares no sentido horário. Depois, deixe as pontas dos pés voltadas para dentro, levante a perna esquerda o mais alto que puder e depois solte. Repita oito vezes. Não é necessário fazer o exercício com a perna direita porque o intestino é controlado pelo lado esquerdo do corpo.

Cólicas


O período da menstruação é um verdadeiro tormento para muitas mulheres. Além de dores pelo corpo, as terríveis cólicas aparecem devido à contração dos músculos do ovário.

Como fazer: posicione três dedos abaixo do umbigo, à esquerda, e pressione levemente o local por 15 segundos.

Antiestresse


Ter uma vida agitada é o mal do século, poucas pessoas conseguem ter um tempo dedicado ao bem-estar e à saúde mental.

Como fazer: solte todo o ar do pulmão e respire enchendo apenas uma parte do diafragma. Em seguida, estufe o abdômen e solte o ar novamente. Repita 20 vezes e, se estiver deitada, mantenha os pés estendidos durante todo exercício.

Região lombar


A má postura aliada a hábitos inadequados, como ficar sentado na frente do computador por horas, pode levar a dores na região lombar. A automassagem é uma excelente forma de resolver este problema de forma rápida e simples.

Como fazer: deite sobre as mãos fechadas e role o corpo de um lado para o outro com cuidado. As mãos devem ser posicionadas sob o ponto dolorido da coluna. Ao invés das mãos, podem ser utilizadas duas bolinhas de tênis para fazer a massagem.

Dor de cabeça


São diversos os fatores que causam desde uma dor de cabeça crônica até uma crise de enxaqueca aguda. Realize os movimentos na região da face para que os sintomas diminuam e você consiga viver a rotina mais tranquilamente.

Como fazer: pressione as têmporas com as pontas dos dedos e faça movimentos circulares.

Tensão no pescoço


Qualquer situação difícil e o ritmo de vida acelerado pode causar tensões no pescoço. Esse músculo se endurece e, com a falta de alongamento, pode resultar num torcicolo ou em dores na região.

Como fazer: coloque as mãos sobre dois pontos paralelos da nuca e movimente-as na horizontal. Vá aproximando uma da outra sem deslizá-las sobre a pele. Repita o movimento por toda a extensão da coluna cervical.

Pernas cansadas


Falta de exercícios físicos e a má circulação sanguínea da região podem acarretar em dores e fadigas nas pernas. Por isso, é sempre bom realizar a automassagem na região para evitar agravamentos do quadro mais tarde.

Como fazer: flexione o pé e depois estique-o, como se fosse pisar no acelerador de um carro. Ao mesmo tempo, vá apertando a panturrilha com as mãos e siga pelo do joelho até o calcanhar.

Compartilhar